sábado, 22 de dezembro de 2012

conversa entre silencios...

..evitando dizer como me sinto, continuo um dia, amanhã,  continuo outro...
e no futuro, continuarei evitando..
acho que as vezes escuto nosso silencio conversando e fico na expectativa que eles consigam se entender e se decifrar....

by eu mesma

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

" Ela não quer um apenas... Ela quer um Homem. Daqueles capazes de reconhecer os valores que ela tem. Só os Homens de verdade são capazes de reconhecer Mulheres que valem a pena... Que valem o empenho e tudo pra fazê-la se sentir bem, forte, ...desejada, respeitada e amada de verdade. Ela quer um Homem que a veja com olhos de verdade e afeto. Quer ser ela mesma, pois já abriu mão demais e agora o
que ela precisa é não precisar de quem não reconhece suas qualidades. Descobriu que não precisa passar por situações lamentáveis que a privou de ver amigos e viver emoções. Ela quer sem precisar... Quer ser egoísta pra aprender dividir. No fundo, ela não quer um menino... Ela quer um companheiro que seja Homem suficiente pra ser só dela."
(Flávio Machado)

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

clareza...

As vezes, a clareza do que se fala e do que se ouve, doe, mas é melhor do que o poder arrasador da dúvida...
Dizer o que se sente, o que se pensa é difícil, as palavras nem sempre tem formas claras quando as proferimos, mas mesmo assim, ainda é mais honrado...salva o outro da humilhação do não saber...

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

tocar

existem várias maneiras de tocar uma mulher...
com as mãos afagando seu pele...
com os olhos, penetrando em  seus desejos
com o pensamento, antecipando o segundo seguinte...
e com o desejo de reunir tudo isso em um único momento.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

colo...

não me carregue no colo, talvez sinta emoções  ... 
é provável que sinta que são emoções perdidas...


by Adriana Turrini

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

frágil..

Frágil – você tem tanta vontade de chorar, tanta vontade de ir embora... Tanta vontade de viajar para bem longe, romper todos os laços, sem deixar endereço. É tempo de me fazer, eu sei.
  Tenho medo de já ter perdido muito tempo. Tenho medo que seja cada vez mais difícil.
 Tenho medo de endurecer, de me fechar, de me encarapaçar dentro de uma solidão -escudo.
Ando meio fatigado de procuras inúteis...

Tão estranho carregar uma vida inteira no corpo e ninguém suspeitar dos traumas, das quedas, dos medos, dos choros...

C.F.

Amanda Terezinha - Uma grande Amiga

Hoje minha família perdeu uma amiga. Sabe daquelas meninas caladas, de pouca fala, mas de muita atitude?! Assim ela era.
Moça bonita, elegante, de olhar concentrado e sempre sabia o que queria.
Muito regrada, sempre tinha hora para tudo, mas como uma boa moça, sabia esperar sua vez. Muito paciente, dava aos mais novos toda atenção necessária, desde que não passassem dos limites, apenas um leve som, já colocava todos em seus devidos lugares.
Uma amiga de quase 13 anos, sempre presente nos aniversários, natais, virada de ano, e quando não estávamos presente, sabia dominar a casa e ninguém passava a sua frene sem a notar, ela sempre soube se fazer presente.
Esta amiga, se foi hoje.
Esta que se foi já senhora, mas não de si, uma senhora que deixou um enorme buraco e uma imensa saudades no coração de todos.
Obrigada Amanda Terezinha, nossa filha de 4 patas.

terça-feira, 18 de setembro de 2012

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

lençóis

na verdade, 
este amor nos lençóis,
 não amassa,
ele torce 
contorce 
desenha 
o sentimento ali vivido....


by Adriana Turrini

domingo, 16 de setembro de 2012

universo


 Dizem que em vidas é preciso se acostumar com as perdas.....


Como será que fica o universo quando se é preciso acostumar com elas? 


by Adriana Turrini



quarta-feira, 12 de setembro de 2012

bonecas

Mulheres são como bonecas, você pode vesti-las, desvesti-las, pode brincar com elas, trata-las como princesas. Também pode maltrata-las e finalmente jogar elas fora quando não forem mais úteis para você. Mas lembre-se, homem que é homem não brinca de boneca.” 


- Autor desconhecido


terça-feira, 11 de setembro de 2012

portas...


Feche algumas portas. Não por orgulho ou arrogância, mas porque já não levam a lugar nenhum.


Paulo Coelho

domingo, 9 de setembro de 2012

Enganar-se - Letícia Thompson

Todo mundo se engana um dia ou outro,
mas ninguém gosta de admitir.
Admitir para os outros, dói.
Mas admitir para si mesmo é ainda pior.
Enganar-se é mentir-se e nem sempre estamos
conscientes de que nosso mundo,
ou o que vivemos, é bem real.
Perdemos um tempo enorme lutando pelas
nossas idéias, nossas crenças,
nosso amor e chega um dia que precisamos
baixar os braços.
A realidade muitas vezes chega de forma brutal e
se joga sobre nós sem piedade.
É nesses momentos que o mundo perde todo o sentido,
que queríamos fechar os olhos e tentar fazer com que nada tivesse acontecido, queríamos dormir e dormir até que pudéssemos acordar para chegar à conclusão que
tudo não passou de um pesadelo.
Pior mesmo é quando se trata de amor.
Acreditamos cegamente no sentimento e defendemos
uma pessoa de todo nosso ser, nos sentimos capazes
de morrer por ela, nos colocamos contra o mundo todo
e depois temos que admitir que nos enganamos.
Essa descoberta nos paralisa, paralisa nossos
sonhos e nossos sentidos.
Bloqueia nosso coração.
Só mesmo depois de muitas lágrimas derramadas
e noite mal dormidas é que conseguimos colocar
nossas idéias em ordem.
E ainda assim tentamos achar desculpas,
razões que justifiquem nossa cegueira,
nosso erro,
nosso engano.
Mas não há justificativas.
Todo mundo erra e isso faz parte do nosso
aprendizado da vida.
Enganar-se, mesmo se doloroso, é humano.
Muitas vezes quando tropeçamos não caímos,
mas damos dois ou três passos à frente.
Na vida é a mesma coisa.
Uma pessoa que fracassa não é um fracassado por inteiro.
É apenas um ser humano com um coração infantil.
E se ele for capaz de ultrapassar essas barreiras e
dar a volta por cima, será um alguém rico
de experiências e que saberá melhor que qualquer
outra pessoa a fazer suas escolhas e ter o
discernimento para saber qual o melhor
caminho a tomar.

Letícia Thompson

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

raios e trovões..

Eu sempre gostei de raios e trovões...eles são como uma referência para mim...quando os escuto e vejo, sei que estou viva, desperta e se estiver no meu segundo de  desatenção, fico imediatamente  pronta para enfrentar as tempestades...
Tenho esta mania de raios e trovões dentro de mim, eles sempre me dizem que vou fazer, vou enfrentar, vou colocar  minha alma na chuva, mesmo que morrendo de frio,  de ansiedade e de medos...
...não perco esta mania de enfrentar as tempestades por vc...

by Adriana Turrini

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

“Se não me ama mais me dê passagem para ir embora, seu falso amor atrapalha o meu caminho.”

 — Engelberg

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

preparo

e vou preparando dentro de mim, as bagagens necessárias, somente o mínimo que é preciso para recomeçar...



by Adriana Turrini

domingo, 2 de setembro de 2012

valioso...

de uma coisa vc pode estar certo:
com vc aprendi coisas valiosas, sentimentos importantes....
mas o mais valioso foi o sofrimento...
agora sei como é, vivo com ele  .....

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

aqui dentro

é preciso mesmo passar os dias....?
não pode simplesmente dormir, sonhar e ficar só assim?!!...

aqui dentro é mais bonito, mais tranquilo, mas silencioso...não escuto o coração, as lágrimas e nem a dor...


by Adriana Turrini

FANTASMA DA OPERA

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

desconheço a autoria....

"Eu queria ser parceira de suas alegrias
 O ombro de suas infelicidades
 O motivo de cada sorriso
 E a razão de sua saudade.
 És do poeta a inspiração
 Da música a própria canção
 O néctar da mais bela flor
 Do mundo, meu grande amor.
 És o poema que nunca foi lido
 O sonho que não quero acordar
 Do amor, o próprio cupido
 Minha vida, o meu sol, o meu ar.
 Se tivesse eu o dom da poesia
 Para em uma só palavra descrever o amor
 Este nome o seu seria
 Eu o faria, em verso ou prosa
 Como faz o trovador.
 Mas como na poesia não posso me apoiar
 Apenas três palavras queria dissertar...
 Eu te amo
 Mesmo sem você acreditar!"

 
Desconheço o autor

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Amor é Cego....

A loucura resolveu convidar os amigos para tomar um café em sua casa.
Todos os convidados foram.
Após o café, a loucura propôs:
-Vamos brincar de esconde-esconde?
-Esconde-esconde? O que é isso? perguntou a curiosidade.
-Esconde-esconde é uma brincadeira. Eu conto até 100 e vocês se escondem.
Ao terminar de contar, eu vou procurar e o primeiro a ser encontrado será o próximo a contar.
Todos aceitaram, menos o medo e a preguiça.
-1,2,3…., a loucura começou a contar.
A pressa escondeu-se primeiro, num lugar qualquer.
A timidez, tímida como sempre, escondeu-se na copa de um árvore.
A alegria correu para o meio do jardim.
Já tristeza começou a chorar, pois não encontrava um local apropriado para se esconder.
A inveja acompanhou o triunfo e se escondeu perto dele debaixo de uma pedra.
A loucura continuava a contar e os seus amigos iam se escondendo.
O desespero ficou desesperado ao ver que a loucura já estava no 99.
-100! Gritou a loucura. Vou começar a procurar…
A primeira a aparecer foi a curiosidade, já que não aguentava mais querendo saber quem seria o próximo a contar.
Ao olhar para o lado, a loucura viu a dúvida em cima de uma cerca sem saber em qual dos lados ficar.
E assim foram aparecendo a alegria, a tristeza, a timidez….
Quando estavam todos reunidos, a curiosidade perguntou:
-Onde está o amor?
Ninguém o tinha visto. A loucura começou a procurá-lo.
Procurou em cima da montanha, nos rios, debaixo das pedras e nada do amor aparecer.
Procurando por todos os lados, a loucura viu uma roseira, pegou um pauzinho e começou a procurar entre os galhos, quando de repente, ouviu um grito.
Era o amor, gritando por ter furado o olho com um espinho. A loucura não sabia o que fazer.
Pediu desculpas, implorou pelo perdão do amor e até prometeu segui-lo para sempre.
Moral da história:
O amor aceitou as desculpas e é por isso que hoje e em todo o sempre, o amor é cego e a loucura o acompanha sempre.
Autoria desconhecida

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

tempo...

as coisas duram o tempo que tem que durar...
quando se insiste, se corre o risco de não restar nem lembranças boas para guardar...








by Adriana Turrini

domingo, 19 de agosto de 2012

me espere

Vamos nos encontra as 6:00...
não me espere antes, nunca chego antes da hora
mas não espere que eu seja pontual...posso chegar depois..
tenho que pensar o que vestir em meus pensamentos..
vou escolher com que cor pintarei meu olhar...
qual o salto usarei para alcançar seus beijos...
que brincos irão combinar com meu sorriso ao te ver...
que perfume será melhor para tocar seu passado...
e que sabor de batom te manterá no presente...
acho melhor marcarmos para depois das 10:00...



by Adriana Turrini

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

olhar

...eu sinto falta daquele seu olhar...
aquele que fazia eu voltar para mim....












by Adriana Turrini

lógica


o amor perdoa aquilo que é condenável.....
o amor condena aquilo que é perdoável...
mas também, quem manda o amor não ter lógica?!

by Adriana Turrini

terça-feira, 31 de julho de 2012

letras

se vc não pode mais reconhecer as minhas linhas escritas, coloque a culpa nas minhas lágrimas que borram as letras....












by Adriana Turrini

segunda-feira, 30 de julho de 2012

o passado...

Já li muito e já ouvi mais vezes ainda que quem gosta de passado é museu, que o passado passou e que se deve deixá-lo para trás.... 
Não concordo...
 Quem seriamos se não tivéssemos o passado para lembrar?
 Seriamos um nascer todos os dias, com novas histórias, novos enredos, novas verdades? 
Acho que não ... 
Somos hoje espelho dos erros e acertos de ontem. 
Somos hoje o reflexo de exemplos e escolhas feitas ontem... 
Somos hoje a lembrança marcada do ontem na intenção de acertar amanhã... 
Somos hoje uma versão de um ontem.. 
O que muda, é se a versão será melhorada do que já fomos e escolhemos ser... 
ou não....



by Adriana Turrini

sábado, 28 de julho de 2012

dizem

Dizem por ai que qd se gosta mesmo de alguem, se permanece... Supera todos os medos, passa por cima de todos os defeitos, e fica ao lado dela sem pestanejar... Então, acho que gosto de alguem... by Adriana Turrini

sexta-feira, 27 de julho de 2012

Paul Anka e Peter Cetera - tradução - Hold me till the morning comes

pequenas mentiras

Pequenas mentiras são ditas com a máxima de usá-las para preservar as pessoas que amamos...pequenas mentiras por uma boa causa... Ah tá...mentira é mentira, não importa o tamanho dela e muito menos , importa a desculpa que vc usa para sustentá-las. As pequenas mentiras somadas viram um turbilhão de grandes inverdades que quando descobertas, arrastam a credibilidade que morava em vc, afogando sentimentos que vc possuía , e deixa um rastro de restos onde um dia existiu a confiança e o respeito. Mentiras, não as use, faz mal a sua vida e a do próximo. Uma verdade dói, mas passa...uma mentira te preserva, mas na ignorância. by Adriana Turrini

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Depois - Marisa Monte - Letra - Avenida Brasil - Nina e Jorginho

saúde de ferro

Tenho uma saúde de ferro...até mais do que se espera de uma pessoa da minha idade... Sabem pq? Não engasgo com nada, não engulo o que me faz mal....sempre digo o que penso, o que sinto e como me sinto... E os poucos amigos que tenho e as poucas pessoas que amo, me aceitam como sou... by Adriana Turrini

terça-feira, 24 de julho de 2012

solidão, tristeza e afastamento tem limite? se tem, mostre onde o caminho termina.... by Adriana Turrini
"A traição é ruim em qualquer sentido e não importa o sentimento envolvido. Pode ser do ser amado, pode ser de um amigo ou de um parceiro de trabalho... Mas quando junto a traição a lealdade é colocada de lado, a traição passa a não ter mais perdão." by Adriana Turrini

quinta-feira, 19 de julho de 2012

renovação

quantas vezes promessas podem ser renovadas sem ficarem banalizadas?













by Adriana Turrini

terça-feira, 17 de julho de 2012

adeus

existem muitas maneiras de dizer adeus, e a que mais corrói, é quando não proferimos uma única palavra...




by Adriana Turrini

domingo, 15 de julho de 2012

meia idade

Hoje me perguntaram como é ser uma mulher de meia idade....
Oi? como assim, meia idade?
Minha idade é inteira...sou uma mulher inteira.
Cheia de defeitos e qualidades inteiras.
Gosto e desgosto de coisas e pessoas inteiras...
Nada comigo é pela metade...
Então, não sou de meia idade né...

by Adriana Turrini

terça-feira, 10 de julho de 2012

aquele olhar...

pior do que olhar para uma pessoa e sentir saudades do que ela foi, é vc olhar para dentro de si, e ter saudades do que já representou....













by Adriana Turrini

sábado, 7 de julho de 2012

a verdade...

verdades começaram a aparecer...
e nem precisei me mexer muito...
mas a verdade sempre acontece, vc querendo ou não...
então relaxa, mas já vá bolando uma boa desculpa...
o preço do teu couro não será grande coisa...
poucos acreditarão em vc daqui para frente...
manter a carinha do "não fiz nada" é difícil colega..
se não foi de um jeito, vai ser de outro, mas que vc vai cair, vai...

bem vinda a sua queda....

sábado, 30 de junho de 2012

madrugadas

e nas madrugadas  penso nos detalhes, repenso fatos, avalio o silencio...
















by Adriana Turrini

segunda-feira, 25 de junho de 2012

linhas

e o mais engraçado da gente, é que sempre procuramos andar nas linhas já traçadas..
resolvi mudar, vou fazer linhas novas...as antigas já sei onde irão parar....


by Adriana Turrini

Pobre do infeliz

Nem toda infelicidade merece respeito, afinal, o infeliz é um chato repetitivo que julga que sua dor é maior do que a de qualquer um, não tem a capacidade de comparar nada com sua dor e dar o peso que ela merece.
Um infeliz é aquele que se nega a parar de sofrer, cavoca tempos idos como se estes fossem o alicerce para que continue vivendo.
O infeliz dinamiza sua dor ao potencial máximo, retomando sempre e sempre aquilo que se foi, como se ainda continuasse a viver do que foi passado, ignorando o presente e temendo o futuro.
para o infeliz, um dia é igual sempre a ontem e o amanhã o será também.
Pobre do infeliz....
Pobre de quem sofre...
Pobre de quem precisa de ajuda e não a tem... 

by Adriana Turrini

sexta-feira, 22 de junho de 2012

na verdade...

na verdade nada e ninguem "pertence"...apenas "somos" quando queremos "ser".









by Adriana Turrini

terça-feira, 19 de junho de 2012

faça seu texte tb....

-->Faça o teste

Segue abaixo o resultado para sua escolha:

Seu animal de poder é O TIGRE

O Tigre evoca, de forma geral, as idéias de poder e ferocidade. É um animal caçador e, ainda, um símbolo da casta guerreira. O tigre devora as influências maléficas. Sínal de aproximação paciente, de preparação cuidadosa e aproveitar oportunidades.
   

Seu animal de proteção é O LEÃO

O grande Rei dos animais traz o espírito de luta; de marcar presença. É garra, poder, força, majestade, prosperidade, nobreza, coragem, saúde, liderança, segurança, autoconfiança.
  
nunca reclamo de lutar, sempre fui de luta, sempre coloquei a cara a tapa...
mas qd eu desisto, não tem volta...

sexta-feira, 15 de junho de 2012

quinta-feira, 14 de junho de 2012

descobri...

que os tolos desejam o que não podem ter...

os crentes, sonham com  aquilo que desejam...

e eu tenho voce....






by Adriana Turrini

segunda-feira, 11 de junho de 2012

namoro de amor eterno

que o nosso namoro seja sempre olhos nos olhos...
que nossos braços sempre estejam entrelaçados na caminhada
que nossos ombros sempre se encostem um no outro
que nossas palavras sejam sempre de amizade como só os verdadeiros amigos sabem dizer...
que nossas escolhas sejam em comum para lutarmos juntos pelas nossas conquistas...
e que nosso amor seja único, um namoro de amor eterno, claro, limpo,  que nos provoque lágrimas de realização, sorrisos largo de felicidade, pulos de alegria e olhos de futuro sempre nos amando muito....
Te amo Meu Gigante.


by Adriana Turrini

sábado, 9 de junho de 2012

todos os dias...

viver um amor é fácil...
como é viver vários amores...aquele que nasce todos os dias, em cada gesto, em cada atitude,
em cada beijo, em cada carinho, em cada briga e em cada reconciliação?
acho que amar é isso, é se remontar todos os dias, é colar pedacinhos de vc em mim... 






by Adriana Turrini

sexta-feira, 8 de junho de 2012

diamantes...

"....Com o tempo aprendemos que em geral é preciso cavar um bom tanto, ou passar anos peneirando à beira de um rio para se sentir o toque de uma pepita de ouro em nossas mãos. E é também a maturidade que faz com que a gente aprenda a reconhecer quando isso acontece e, sabendo do quanto é raro, segurar com força em nossas mãos e vibrar em gratidão pela oportunidade de sermos presenteados com uma pedra tão brilhante. É a maturidade que faz com que tratemos com cuidado daquela gema dourada finalmente encontrada.

Afinal, pior do que nunca encontrar uma pepita de ouro seria tê-la nas mãos e jogá-la de volta ao leito lamacento do rio por falta de olhos capazes de reconhecer seu raro valor....."



"...Não permita que a sua ansiedade o faça confundir cascalhos com diamantes. Não permita que o seu medo o faça ficar cego e desperdiçar raros e cintilantes rubis como se esses pudessem queimar suas mãos.

Não hesite em devolver ao rio aquilo que de verdade não tem valor para você.

Mas ouça bem... quando uma pedra preciosa surgir em sua vida, não perca a oportunidade, dê o seu melhor, nunca se sabe quando outra irá aparecer!..."

quarta-feira, 6 de junho de 2012

encontrei por ai...3

Aprendi que há coisas que simplesmente não estão destinadas a acontecer, enquanto outras são simplesmente inevitáveis, independentemente da minha vontade de querer ou não contrariá-las.Quando a vida me magoa deixo que a chuva se misture às minhas lágrimas e sigo em frente,sempre em frente,uma folha jogada no vento à mercê das suas correntes.Esta sou eu, parte daquilo que fui, parte daquilo que sou,necessariamente parte do que serei.Sejam bem-vindos ao meu pequeno mundo de sonhos,devaneios e contradições.

compasso...

...e eu não corro atrás..

aprendi a andar no mesmo passo e no compasso do meu coração que sempre está com vc....









by Adriana Turrini

terça-feira, 5 de junho de 2012

queria um amor....

queria um amor só meu, mas daqueles que se  dividi com o mundo, só com o brilho de um sorriso...

queria um amor que briga, daquelas que com cocegas , faz a gente chorar de tanto rir...

queria um amor de afagos, daqueles que agarra e depois  solta, só para poder agarrar de novo....

queria um amor zangado, daquelas zangas que fazem beicinho, só para poder desmanchar com um beijo...

queria um amor sem volta, daqueles que a gente não precisa ir, pq voce já mora nele...

quero um amor com medo, daqueles medos gostosos que dão um friozinho na barriga qd esperamos ele chegar...

queria um amor sem surpresas, pq meus olhos já estão vendados para o que me fará feliz sempre....

quero um amor sem palavras, pq as atitudes já dizem tudo...
 

domingo, 3 de junho de 2012

existem pessoas que se definem...

existem pessoas que se definem...
definem que são sofredoras, que nada dá certo, que a vida não lhe é justa, que apesar de nunca fazer nada de errado, estão sempre sendo feridas por algo ou alguem, que suas escolhas sempre a levam a solidão, que sua dedicação não é vista e nem reconhecida, que suas angustias batem e voltam pq não tem ninguem neste mundo que as ame de verdade e nem sem interesse...

existem pessoas que se definem...
definem que sofrer faz parte da vida, que se aprende muito com isso, e que manter a cabeça erguida não mostra que vc é forte, mostra que vc não desiste, que a feridas podem até não cicatrizar, mas elas podem secar em forma de flor, e virar tatuagem, que a solidão não é ruim, desde que vc saiba o que fazer com vc mesma, que a dedicação é dada e não pode ser cobrada, pq perde o valor, e que as angustias podem virar letra de musica e acalentar alguem por ai...

by Adriana Turrini
alguem diz para vc...vai passar..
e ai vem alguem.... e faz passar....

sexta-feira, 1 de junho de 2012

a falta que faz

...sinto falta de ver meus olhos brilharem...
um vazio que me afasta dos espelhos de minha alma...







by Adriana Turrini

e as feridas

as feridas da alma só são curadas com atenção, carinho e paz.
não adianta fazer de conta que elas não existem  só pq não pode tocá-las...
elas estarão sempre lá, enquanto a sombra da dúvida persistir...enquanto se tentar deixar morrer por si, elas continuaram sendo semeadas mesmo que chova, mesmo que faça sol....


by Adriana Turrini